A curadora do Núcleo Transformação Energética – Hidrogênio, Monica Saraiva Panik, firmou apoios estratégicos para levar o tema para a BW Expo, Summit e Digital 2020. Nesse sentido e para contribuir com essa iniciativa, a SAE Brasil e da Ballard Power Systems decidiram criar o Student H2 Challenge. O desafio estudantil de mobilidade a hidrogênio a ser apresentado na BW 2020 foi anunciado durante o Webinar BW Talks, transmitido dia (17/06), pelo YouTube.

As inscrições têm início na próxima semana, dia 23 de junho, com encerramento no dia 30 do mesmo mês. As universidades brasileiras de engenharia, que quiserem participar do desafio estudantil para a construção de pequenos veículos movidos à célula a combustível, devem realizar sua inscrição no site oficial da SAE Brasil.

Para a competição, a Ballard doou 10 stacks (pilhas) de 2,1 kW. Além disso, ela concederá seu apoio técnico e um curso online sobre a tecnologia. Ademais, irá contribuir em outros temas relacionados, organizados pela SAE Brasil.

Todas as universidades inscritas participarão das etapas digitais. Contudo, somente dez serão selecionadas para participar das etapas presenciais – considerando o cenário da Covid-19. O desafio final, com o anúncio do vencedor da competição, acontecerá na feira, marcada entre os dias 6 e 8 de outubro.

“Esse desafio tem o objetivo de transferir conhecimento e experiência para as universidades brasileiras, sobre sistemas à célula a combustível para aplicação automotiva”, explicou Monica, que é especialista em tecnologias de hidrogênio e células a combustível.

Oportunidades

“Além disso, dará a oportunidade aos grupos estudantis envolvidos de trabalhar com tecnologia de ponta e com engenheiros experientes da indústria nacional e internacional. A cooperação entre universidades e a indústria existe tradicionalmente em diversos países. Isso promove capacitação de profissionais integrando-os no mercado simultaneamente ao seu período de formação acadêmica”, acrescentou Monica.

Para ela, no Brasil esse conceito ainda não é muito difundido. “Assim, o Student H2 Challenge representa uma iniciativa pioneira, a qual incentivará o desenvolvimento desse tipo de parceria com mais frequência no Brasil. Ao envolver os estudantes e professores neste tema estaremos contribuindo para que a tecnologia se perpetue nas novas gerações”, ressaltou.

Por fim, Monica agradeceu o comprometimento e o engajamento da Ballard, uma empresa inovadora e líder em seu mercado, e da SAE Brasil, uma entidade reconhecida mundialmente por disseminar conhecimento, tecnologia e informação que fortalecem a formação e experiência da engenharia da mobilidade brasileira, para o sucesso dessa iniciativa.

Com a finalidade de disseminar o conhecimento sobre a  tecnologia do hidrogênio, Núcleo terá como uma de suas atividades o desafio estudantil de mobilidade a hidrogênio na BW 2020. Certamente, o local será o ponto de encontro para os profissionais do setor de energia, mobilidade e meio ambiente.