(11) 2501-2688 info@bwexpo.com.br Chinese (Simplified)EnglishPortugueseSpanish
Chinese (Simplified)EnglishPortugueseSpanish

Em janeiro deste ano, a Fundação Ellen MacArthur lançou o Circulytics, uma plataforma online de medição abrangente de circularidade. Empresas demonstraram seu apoio a esse conceito realizando sua inscrição na ferramenta. São 500 multinacionais na transição para uma economia circular.

O Circulytics revela até que ponto uma companhia – independentemente do tamanho, complexidade ou natureza de seus negócios – alcançou a circularidade. Isso porque ela não avalia apenas o fluxo de produtos e materiais, mas também oferece indicadores e facilitadores para medir a circularidade de todas as operações. Além disso, também contribui para a tomada de decisões e o desenvolvimento estratégico na adoção da economia circular.

A plataforma online demonstra pontos fortes e destaca as áreas de melhoria e oferece transparência opcional a investidores e clientes sobre a adoção da economia circular de uma empresa. Por fim, entrega com clareza o desempenho da empresa na economia circular, abrindo, desse modo, novas oportunidades para gerar valor para a marca aos stakeholders.

Fácil de usar, a ferramenta foi elaborada em colaboração com treze parceiras globais. Seus indicadores foram testados por mais de 30 empresas durante o ano passado. Por isso, o sucesso da plataforma na demostração de  métricas claras, que capacitam as empresas a desenvolver estratégias circulares. Como resultado, proporcionará o o crescimento a longo prazo das companhias que migrarem para a circularidade.

Desafios econômicos

E, nesse momento, em que a pandemia da Covid-19 está impactando as comunidades ao redor do mundo de uma maneira sem precedentes, o Circulytics está ajudando multinacionais na transição para uma economia circular. Para a Fundação, é o período para as companhias reavaliarem suas estratégias, modelos de negócios e fornecimento de materiais.

Isso porque será necessário trabalhar conjuntamente para reconstruir a economia global, uma vez que a crise trará desafios econômicos muito contundentes. E a transição da economia de “take-make-waste” (extrair, fabricar e descartar) para uma economia circular beneficiará empresas, pessoas e o meio ambiente.

“As empresas estão reconhecendo como as estratégias de economia circular podem criar sucesso a longo prazo, abrir novas áreas de crescimento e contribuir para economias prósperas. Para tomar as decisões estratégicas certas, as empresas precisam dos dados certos. O Circulytics fornece a imagem mais abrangente de seu desempenho na economia circular, oportunidades de inovação e capacidade de medir o progresso”, finalizou Ellen MacArthur, fundadora da Fundação Ellen MacArthur.